Compras na Colômbia

Compras na Colômbia: 10 sugestões de presentes para trazer de Bogotá, Cartagena ou Medellin

A Colômbia é um destino com diversos atrativos para o viajante: cidades coloniais, monumentos históricos, belezas naturais, arte, cultura, gastronomia. Mas quando a pergunta é “o que comprar na Colômbia?”, certamente muitos terão dificuldades em dar ao menos uma resposta. De fato, a Colômbia não é um destino famoso pelas compras. Mas ainda assim, a gente sempre quer trazer um presente, aquela lembrancinha de viagem para um amigo, um parente, ou até pra nós mesmos.

Sem dúvidas o momento das compras faz parte da diversão de qualquer viagem. 🙂 Se você chegou até aqui, muito provavelmente está planejando visitar a Colômbia e quer saber o que comprar para trazer da viagem. Baseado em tudo que vimos (e compramos) em nossas viagens por Bogotá, Cartegena e Medellin, preparamos essa lista com 10 sugestões de compras na Colômbia. Na lista, opções para todos os gostos e bolsos! Divirtam-se, e se tiverem outras sugestões de coisas legais pra trazer de lá, é só deixar o seu comentário lá no final do post. 🙂

1) Café colombiano

Considerado pelos especialistas como o melhor do mundo, é claro que o café colombiano não poderia ficar de fora de nenhuma lista do que comprar na Colômbia. Com características específicas do solo e do clima além de um processo de colheita artesanal que prioriza apenas os melhores grãos, o café produzido na Colômbia é sonho de consumo em todo o mundo. Cada região do país produz variedades específicas do grão com atributos distintos. Mal comparando, algo parecido com a lógica dos “terroir” na cultura dos vinhos na França.

Por tudo isso, reserve espaço na mala e vá as compras do legítimo café colombiano. Muita coisa pode ser encontrada nos supermercados, a preços mais ou menos similares ao que é praticado no Brasil. Dentre eles, a marca de café mais famosa da Colômbia é a Juan Valdez – que conta inclusive com centenas de lojas próprias espalhadas por todo o país. E até mesmo nos aeroportos.

Café colombiano, reconhecido como um dos melhores do mundo

Para quem estiver disposto a investir um pouco mais em cafés da mais alta qualidade, o mercado de cafés gourmet está em franca ebulição na Colômbia. Em Bogotá, não deixe de visitar a Catación Publica. O local é uma mistura de café com loja, laboratório e curso. Com uma ampla rede de pequenos produtores de café selecionados por toda a Colômbia, eles produzem alguns dos melhores cafés que você poderá encontrar na cidade. Uma ótima dica de presente para trazer da Colômbia que vai agradar a todo mundo (que gosta de café, é claro). 🙂

+ Leia o post completo sobre café na Colômbia (em breve)

2) Produtos Juan Valdez

Ué, café de novo? Bem, não exatamente. Já falamos no item anterior que o café talvez seja o principal produto exportação da Colômbia e uma ótima sugestão para comprinhas de viagem. E nenhuma outra marca soube surfar essa fama melhor do que a Juan Valdez, que se tornou uma marca conhecida – e consumida – internacionalmente.

Alguns dos produtos da Juan Valdez (foto: site oficial)

Acontece que parte da estratégia de crescimento da marca foi ir além apenas do produto ‘café’. Com lojas espalhadas por toda a Colômbia, a Juan Valdez produz todo um ecossistema de produtos de marca própria relacionados a cultura do café: de canecas, moedores, prensas, e cafeteiras, passando por camisetas, chaveiros, bonés e todo tipo de souvenir da marca. Pode-se dizer que hoje a Juan Valdez é uma grande referência da Colômbia fora do país, e certamente um produto da marca se encaixa bem numa lista de sugestões do que comprar na Colômbia.

3) Mochila Wayuu

O artesanato em geral é uma atividade muito forte em toda a Colômbia, mas dentre todos os itens, um em especial se destaca. As coloridas mochilas Wayuu e suas estampas características estão por todos os lados. As originais são tecidas à mão (uma a uma) pelos povos indígenas Wayuu do deserto da Península de Guajira , uma das regiões mais áridas da Colômbia. A técnica é bastante complexa e cada uma leva cerca de 20 dias (!) para ser confeccionada.

Mochilas Wayuu a venda em feiras e mercados da Colômbia

Ao comprar as bolsas originais, parte do dinheiro em teoria ainda é revertido para as comunidades indígenas. O problema é que, de tão popular, a mochila está a venda em quase qualquer lugar (e é preciso tomar cuidado com a pirataria). Das feiras de rua, como o popular mercado de pulgas de Usaquén em Bogotá, passando por lojas especializadas, até a possibilidade de ir até Guajira e comprar diretamente dos produtores locais. Em geral, o preço de uma mochila dessas na Colômbia parte do equivalente a R$100 (modelos mais simples), podendo chegar a muito mais dependendo da complexidade do trabalho.

4) Cervezas BBC (Bogotá Beer Company)

Fundada em 2002, a Bogotá Beer Company é a mais conhecida e premiada cervejaria “artesanal” colombiana. Apesar do país não ser tradicionalmente um destino cervejeiro, a BBC cumpre bem o seu papel produzindo ao todo mais de uma dezena de diferentes estilos de cerveja, todas de muito boa qualidade. Mas só isso – a qualidade – não seria suficiente para incluirmos a cerveja na nossa lista de sugestões de compras para trazer da viagem.

Linha de cervejas da Bogotá Beer Company

O que torna a marca ainda mais interessante é a sua forte relação com a identidade nacional. Todas as suas cervejas – até mesmo as sazonais ou edições especiais – fazem referência em seu nome a bairros de Bogotá ou cidades e vilarejos da Colômbia. Cervejas como a “Classic Candelaria” e a “Monserrate Roja” são exemplos dessa estratégia que é bem sucedida na comunicação com o público local, e ainda torna o produto um atraente souvenir de viagem para os cervejeiros de plantão.

5) Aguardiente Antioqueño

Ainda no segmento das bebidas alcoólicas, pode ser que o seu negócio não seja exatamente cerveja. Nesse caso, guarde esse nome: “Aguardiente Antioqueño“. A versão tradicional da bebida originária da região da Antioquia (daí o nome) é elaborada com álcoois extra puros, essências naturais de anis, açúcar refinado e água. O teor alcoólico fica na faixa dos 25% até 30%, menos do que a nossa tradicional cachaça, mas ainda assim bem elevado.

Aguardiente Antioqueño

As más línguas dizem que tem cheiro de remédio – por conta do anis – mas não dá pra negar que seja algo bem típico do país. Independente da qualidade um tanto quanto duvidosa, essa talvez seja a bebida alcoólica mais característica da Colômbia. Além disso, a bebida é fácil de encontrar para comprar, não custa caro e é vendida em embalagens de diferentes tamanhos, o que garante seu lugar na lista de souvenirs para trazer da Colômbia.

6) Esmeraldas

Se você já viu uma esmeralda original ao vivo, são grandes as chances de que ela tenha vindo da Colômbia – o país responde por 70-90% do mercado mundial de esmeraldas. As esmeraldas colombianas são mundialmente famosas por sua qualidade, e muita gente viaja para a Colômbia com o intuito de levar para casa uma linda joia de esmeralda para si ou para dar de presente de viagem.

Esmeraldas colombianas

Mas calma, apesar da aparente “fartura”, esmeraldas continuam sendo uma pedra preciosa e caríssima, mesmo na Colômbia, ok? Rsrsrs. Certamente esse não é um presente para todos os bolsos. Mas se a ideia é investir para presentear alguém especial, a Colômbia é o destino ideal para os amantes das esmeraldas.

7) Os “Gorditos” de Botero

Quando o assunto é arte, talvez nenhum colombiano seja mais conhecido do que Fernando Botero. O artista é famoso por suas esculturas e pinturas que reproduzem as formas humanas ou animais de maneira mais avantajada, com uma aparência acima do peso. Não demorou até que suas obras fossem carinhosamente apelidadas de “gorditos” pelos locais – algo que o artista não gosta, diga-se de passagem.

Selling Botero souvenirs :D

Fato é que, seja nos camelôs ou nas lojas oficiais como a do Museu Botero (Bogotá) ou em Medellin – sua cidade natal – miniaturas e reproduções de seus principais trabalhos podem ser encontrados por toda a Colômbia. Desde chaveiros, passando por telas e peças de decoração, são muitas as opções de souvenir inspirados na obra de Botero.

8) Fachadas das casas coloniais

Difícil pensar em Colômbia e não imaginar de cara as fachadas das casas em estilo colonial, com suas cores vivas e suas portas e janelas em madeira decoradas com flores. O maior símbolo desse tipo de arquitetura talvez seja Cartagena das Índias e seu centro histórico declarado patrimônio mundial pela UNESCO.

Fachadas das casas colombianas em madeira

Pelas feiras de rua (como o mercado de pulgas de Usaquen em Bogotá) ou em lojas de artesanato por toda a Colômbia, alguns dos artigos mais interessantes que encontramos foram justamente as reproduções em madeira das fachadas clássicas das casas coloniais. Os modelos mais simples (e mais em conta) são os imãs de geladeira, mas é possível encontrar também no modelo “porta-chaves” ou até maior, como uma peça decorativa para a estante de casa. O trabalho de criação em geral é todo artesanal, e o resultado é algo simples mas de muito bom gosto que simboliza bem a essência da Colômbia.

9) Panela

Ué, como assim, panela? Calma, não é exatamente o que você pensou. “Panela” em toda a América Latina (exceção ao Brasil) é o nome que se dá a algo bem parecido com a nossa rapadura. O produto é muito popular na Colômbia e passamos a enxergar com outros olhos depois de experimentar uma bebida típica – essa não alcoólica: a “Aguapanela“.

Panela e a bebida típica dos colombianos

A Aguapanela nada mais é do que uma infusão preparada a partir da panela, podendo ser bebida tanto quente (como um chá) quanto fria. Algumas receitas acrescentam um toque de limão, ou até mesmo uma dose de álcool ou um bloco de queijo (!). Dizem ainda que a bebida é perfeita para curar qualquer resfriado! Na dúvida, trouxemos alguns blocos de ‘panela’ para manter o novo hábito adquirido na viagem e compartilhar a receita com os amigos. 🙂

10) Livros de Gabriel Garcia Marquez

Considerado um dos autores mais importantes do século XX, o colombiano Gabriel Garcia Marquez foi um dos escritores mais admirados e traduzidos no mundo, com mais de 40 milhões de livros vendidos em 36 idiomas. Recebeu o Nobel de Literatura em 1982 pelo conjunto de sua obra que, entre tantos livros, inclui o aclamado Cem Anos de Solidão. Viajar para o país de origem de Gabo pode ser uma ótima oportunidade para adquirir um de seus livros. Ok, a maior parte deles já foi publicada inclusive no Brasil, em português. Mas trazer uma edição diretamente da Colômbia, no idioma original, tem o seu charme, concordam?

Gabriel Garcia Marquez e alguns de seus livros

Já reservou seu hotel em Bogotá?

Não deixe para a última hora! Encontre agora seu hotel ideal em Bogotá e faça já sua reserva com descontos incríveis pelo Booking, o maior site de reservas de hotéis em todo o mundo!

+ Clique aqui para encontrar seu hotel ideal em Bogotá, na Colômbia

E não esqueça de garantir seu seguro viagem:

Agora que já tem todas as informações para decidir onde ficar em Bogotá, não esqueça do seguro viagem! Geralmente a gente faz seguro viagem torcendo pra não usar, né? Mas por experiência própria: quando precisamos de fato do seguro viagem, a experiência com a Seguros Promo foi muito positiva. Em uma viagem para a Argentina meu pai apresentou um problema de saúde e foi preciso levá-lo para exames mais detalhados em um hospital. Bastou ligar para o número de telefone indicado (atendimento imediato e todo em português). Conseguimos a liberação para a internação e os exames, sem pagar nada e sem burocracia. Além disso, o site é fácil de usar e os preços são imbatíveis.

Ah, e agora vem a melhor parte: quem é leitor do Viajar é Demais tem desconto exclusivo: basta clicar aqui e utilizar o cupom VIAJAREDEMAIS5 para fazer seu seguro pelo menor preço possível.

Compartilhar:FacebookTwitter
Augusto
Escrito por
Augusto
Envie sua pergunta ou comentário

5 comentários
  • Muito boas dicas. Mas O QUE LEVAR DE PRESENTE DO BRASIL para Colombia? são vizinhos e te sua parte na Amazonia. Natura e Havaianas penso q não. Poucas opcoes…

    • Oi, Vera! Que bom que você gostou das nossas dicas. O que levar do Brasil para um país vizinho é bem difícil mesmo. Talvez produtos da nossa culinária que eles não tem costume / acesso: farinha de mandioca para fazer farofa (isso é bem típico do Brasil); guloseimas como passoquinha, pé de moleque e até pão de queijo (aquelas misturas prontas). De objetos não sendo comida, sugiro camisetas de futebol de grandes craques do Brasil – eles gostam muito de futebol. Camisa do Zico, do Pelé, do Ronaldo Fenômeno…

  • Olá, parabéns pelo site e pelo post! Queria saber se podemos trazer o café na mala sem problemas, se é permitido pelas leis colombianas e do Brasil. Obrigada!

    • Olá Valeria! Sim, pode trazer os cafés na mala tranquilamente. Provavelmente há algum limite máximo na quantidade permitida, mas nada que atrapalhe um viajante regular de trazer alguns para consumo próprio ou para presente. Um abraço!

Viajar é Demais