22 de fevereiro de 2020

Onde comer em Vicenza, na Itália: dicas de restaurantes de comida típica no centro histórico

Entre as belas cidades históricas do norte da Itália, a charmosa Vicenza foi uma das últimas a incluirmos em nosso roteiro pelo país. Mas acabou se tornando uma deliciosa surpresa. Ideal para conhecer em 1 dia, a pequena comuna da região do Vêneto (próxima a Veneza) tem seu centro histórico reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco por conta de sua grandeza arquitetônica. Entre as cidades italianas, Vicenza é a que reúne o maior número de palácios em relação à sua extensão territorial. Grande parte deles projetada pelo arquiteto Andre Palladio, cidadão de Vicenza e uma lenda na cidade.

Mas a deliciosa surpresa vai além da satisfação de andar pelas ruas estreitas e admirar as imponentes construções palacianas que dão fama à Vicenza. Como não poderia deixar de ser em uma cidade italiana, a gastronomia é parte importantíssima da cultura local. Vicenza se orgulha de seus pratos tradicionais que vão muito além dos clichês da culinária italiana. Nesse artigo sobre ‘onde comer em Vicenza‘ vamos indicar pratos típicos que você precisa experimentar. Além disso, baseados na nossa própria experiência gastronômica na cidade, indicaremos 2 restaurantes clássicos especializados na culinária local. Todos com ótimo custo-benefício e situados no centro histórica de Vicenza para facilitar a sua vida! Segue com a gente e anote as dicas para comer muito bem na sua viagem por Vicenza. 🙂

+ Leia também:
Onde ficar em Vicenza: Palazzo Valmarana Braga
O que fazer em Vicenza: Roteiro de 24 horas (em breve)

O que comer em Vicenza: comidas e pratos típicos da cidade

Apesar de apresentar características próprias, a cozinha vicentina – típica de Vicenza – se confunde bastante com a cozinha tradicional de toda a região de Vêneto, no norte da Itália. Muitos dos pratos que vamos citar aqui podem ser encontrados também em outras cidades importantes dessa região, como Padova (Pádua) e a mais famosa delas, Veneza.

Representantes típicos da cena gastronômica do Vêneto, os Cicchetti são o que podemos traduzir como “petiscos” tradicionais servidos principalmente nos bares locais, os chamados ‘bàcari‘. O conceito é bem parecido com o das ‘tapas’ espanholas: pequenas porções com preços mais acessíveis servidos em estabelecimentos de estilo mais informal e frequentados pelos locais. Os cicchetti podem ser pequenos sanduíches, pratos de azeitonas ou outros vegetais, ovos cozidos cortados ao meio, pequenas porções de um ou mais frutos do mar, ou até mesmo carne e/ou vegetais servidos sobre uma fatia de pão.

Para quem não dispensa uma boa pasta italiana, duas opções bem tradicionais em Vicenza e na região do Vêneto são o Bigoli in Salsa e alguma massa (que pode ser o pappardelle ou o próprio bigoli) al ragù d’anatra. O bigoli in salsa é uma receita muito antiga criada por pescadores locais, e consiste em uma espécie de espaguete de grão áspero e mais grosso (o bigoli) servido em um molho temperado com cebola, anchovas e pimenta preta moída grossa – a consistência do molho é a de um creme, e você normalmente não sente cada ingrediente separadamente, somente a explosão de sabores. A outra boa opção de massa é servida al ragù d’anatra, ou seja, carne de pato desfiada. De origem camponesa, esse tipo de ragú é bem popular pelo fato de quase todos os agricultores locais criarem patos.

A Polenta – também conhecida como ‘angú’ aqui no Brasil – é um dos acompanhamentos típicos da cozinha vicentina. Um dos pratos que ela acompanha é o tradicionalíssimo baccala a vicentina – essa sim, uma receita autêntica de Vicenza. Nesse prato, o bacalhau cozido lentamente durante muitas horas é servido em um molho à base de leite bem cremoso e saboroso.

Entre os doces e sobremesas, algo bem peculiar que experimentamos e recomendamos é a torta Sbrisolona. O nome dessa torta típica do norte da Itália deriva do substantivo brìsa, que significa “migalha”. E é justamente dessa forma que a torta é servida no prato: em migalhas irregulares. A receita da torta remonta ao século XVI e tem sua origem nos pobres e camponeses, pois era produzida com ingredientes de fácil acesso na época como farinha de milho, banha de porco e avelã ou amêndoas. Os ingredientes não devem ser moídos finos e sim grosseiramente, assim como a torta não deve ser cortada em fatias regulares, mas quebrada com as mãos. É tradicional consumir a torta umedecendo-a com grappa.

Algumas das comidas e sobremesas típicas de Vicenza, na Itália

Onde comer em Vicenza

Quer saber onde comer em Vicenza esses pratos típicos da culinária vicentina? Vamos dar a dica de 2 restaurantes bem no centro histórico que experimentamos e adoramos! Ao lado do nome do restaurante está a faixa de preço de 1 cifrão ($) até 5 cifrões ($$$$$) .

Essa faixa de preço se refere ao custo médio de uma refeição completa no local, ou seja, uma estimativa de quanto você deve gastar para comer e beber por lá. Usamos o Euro como moeda de referência para minimizar o impacto das variações cambiais do Real. Desta forma, a classificação fica assim:

$$$$$ – acima de 50€ por pessoa 
$$$$ – entre 40€ – 50€ por pessoa 
$$$ – entre 30€ – 40€ por pessoa 
$$ – entre 20€ – 30€ por pessoa 
$ – abaixo de 20€ por pessoa

Osteria Veneto’s ($$-$$$) | Onde comer em Vicenza

É impossível visitar o centro histórico de Vicenza sem passar inúmeras vezes pela Corso Andrea Palladio. A principal rua de Vicenza concentra boa parte dos palácios e principais construções arquitetônicas da cidade. Entre elas, mais exatamente no número 56 da Corso Andrea Palladio, está localizado o histórico Palazzetto Capra Lampertico, onde atualmente funciona a nossa primeira dica de onde comer em Vicenza: a Osteria Veneto’s.

Onde comer em Vicenza? Osteria Veneto's
Onde comer em Vicenza? Osteria Veneto’s

Ocupando o andar térreo onde funcionava o antigo estábulo da família Lampertico, a Osteria Veneto’s é daquelas pequenas joias que adoramos “descobrir” em nossas viagens. A entrada discreta e até um pouco escondida afasta o turista desavisado que não tenha pesquisado previamente a existência do restaurante. O público é majoritariamente de locais, aparentemente habitués que retornam com frequência – sempre um bom sinal.

Ao entrar, fomos rapidamente recebidos pelo simpático Francesco que nos conduziu até uma das mesas. A Osteria Veneto’s é pequena e acolhedora, onde uma mesma pessoa recebe o cliente, direciona até a mesa, sugere o que pedir, serve os pratos e traz a conta – bem ao estilo europeu.

No menu, tudo aquilo que procurávamos: especialidades locais da culinária da região a preços super acessíveis (pratos servidos à la carte, a partir de 8€). A Osteria Veneto’s promove a tradição e a cultura local ao utilizar em sua cozinha apenas a produtos típicos da região selecionados dos melhores produtores de Vicenza e arredores. O cardápio traz estampadas com orgulho as informações dos fornecedores dos ingredientes utilizados nos pratos.

O que pedir: 
Antipasto: Cicchetti – os tradicionais petiscos da região são sempre uma boa pedida para começar a refeição. Exibidos no balcão de entrada do restaurante, os petiscos variam diariamente de acordo com os ingredientes disponíveis.
Primo Piatto: Pappardelle al ragù d’anatra – massa com molho à base de carne de pato, outra receita típica da região de Vêneto.
Secondo Piatto: Polenta e baccalà alla vicentina – o tradicional prato de Vicenza à base de bacalhau é servido divinamente com creme e polenta. Esse é O lugar para experimentar o prato.
Dolce: Tiramisú – A sobremesa mais italiana de todas é sempre uma boa pedida.

Pratos típicos vicentinos na Osteria Veneto's
Pratos típicos vicentinos na Osteria Veneto’s
Tiramisu: sempre um clássico da culinária italiana
Tiramisu: sempre um clássico da culinária italiana

Endereço: Osteria Veneto’s – Corso Andrea Palladio, 56 | Aberto todos os dias, das 12h às 14h30 e das 19h às 22h.

Ristorante al Ritrovo – Osteria e Cicchetti ($$-$$$) | Onde comer em Vicenza

Em uma das praças mais emblemáticas da cidade – a Piazza del Duomo – está a nossa segunda dica de onde comer em Vicenza: o Ristorante al Ritrovo – Osteria e Cicchetti. Situado em mais um edifício histórico quase em frente a entrada principal da Catedral, o Ristorante al Ritrovo é especializado em culinária típica do Vêneto.

Restaurante al Ritrovo: onde comer em Vicenza
Restaurante al Ritrovo: onde comer em Vicenza

Descobrimos o ‘al Ritrovo’ justamente após a visita à Catedral de Vicenza, e a bonita fachada do prédio foi o que inicialmente nos chamou a atenção. Reservamos para o jantar na mesma noite e o que dá para dizer é que a boa impressão se confirmou ao longo de toda a noite.

O ambiente interno tem estilo um pouco mais contemporâneo mas igualmente acolhedor e intimista sem ser excessivamente sofisticado. A equipe eficiente e bem simpática nos ajudou bastante a escolher no menu as melhores opções entre as especialidades da casa.

O local oferece tanto a possibilidade de optar por um menu pré-definido de carne ou peixe (a partir de 25€ por pessoa) como também de escolher os pratos à la carte (a partir de 10€ cada). O slogan ‘vino, cucina e saor‘ não deixa dúvidas da proposta de valorizar sempre as receitas locais com ingredientes frescos e típicos da região. Vale destacar que as porções são bem generosas (dividimos todos os pratos e saímos satisfeitíssimos do local), e os preços estão na média do que é praticado em Vicenza.

O que pedir: 
Vinho (taça): Virgilio Vignato Cabernet – os vinhos em taça a partir de 2€ são um convite a desbravar os rótulos da região.
Antipasto: Polpette di baccalà con polenta croccante – Uma entrada que lembra bolinho de bacalhau, mas é com polenta. É menos salgado e vem sem salsinha ou outros temperos verdes. A porção com 4 unidades vem servida com maionese de alho. Reúne duas especialidades da região: bacalhau e polenta.
Primo Piatto: Bigoletti all’anitra (tagliata a coltello) – Massa típica do Vêneto, servida com ragu de carne de pato desfiada. O sabor é marcante e a porção é igualmente bem servida.
Secondo Piatto: Spezzatino di cinghiale con polenta morbida – Carne de javali cozida com um molho cremoso muito saboroso. Acompanha polenta servida bem cremosa, com um leve defumado/tostado no sabor. Achamos o melhor prato da noite.
Dolce: Sbrisolona con crema – a clássica torta da região é servida com creme e mirtilos.

Dicas do que pedir no restaurante Al Ritrovo em Vicenza
Dicas do que pedir no restaurante al Ritrovo em Vicenza

Endereço: Ristorante al Ritrovo – Osteria e CicchettiPiazza del Duomo, 4 | Aberto de quinta a segunda para almoço (12h00 às 14h30) e jantar (19h às 22h00). Fechado em terças e quartas.


Essas são as nossas dicas de onde comer em Vicenza, na Itália. Se gostou, deixe seu comentário aí pra gente! Ou nos conte como foram as suas experiências gastronômicas por Vicenza. 🙂


Onde ficar em Vicenza?

Se ainda não reservou seu hotel ou apartamento em Vicenza, que tal a oportunidade de se hospedar em um dos palácios da cidade? Nossa dica é o Palazzo Valmarana Braga, onde por um preço bem acessível é possível hospedar-se em um palácio na melhor localização da cidade.

+ Veja como foi nossa estadia no Palazzo Valmarana Braga

Ou consulte o mapa abaixo com as melhores opções de hospedagem em Vicenza e reserve agora mesmo pelo menor preço!

Booking.com

Mais atividades em Vicenza


Use internet ilimitada em Vicenza e demais cidades da Itália

Com o chip de internet da EasySim4U que você recebe na sua casa ainda no Brasil, você já chega na Europa com conexão 4G funcionando no seu smartphone. Basta trocar o chip do seu aparelho assim que chegar em solo europeu. Nós já trocamos durante o voo e começamos a usar assim que o avião pousou. Por isso, recomendamos o serviço da EasySim4U, que nos garantiu internet rápida e ilimitada durante toda a viagem pela Itália.

+ Contrate agora o seu chip de internet com a EasySim4U


E não esqueça de garantir seu seguro viagem:

Não se esqueça que o seguro viagem é OBRIGATÓRIO para quem viaja pela Itália. A empresa de seguros que a gente sempre usa e recomenda é a Seguros Promo. É um comparador de preços dos melhores seguros viagem e apresenta sempre a opção com melhor custo-benefício para a sua viagem!

Ah, e agora vem a melhor parte: leitor do Viajar é Demais tem desconto, basta clicar aqui ou no banner abaixo e utilizar o cupom para fazer seu seguro pelo menor preço possível.

Compartilhar esse post:
Tags:

Sobre Augusto

Augusto

Jornalista e professor, viajando sempre em busca de novas cervejas, de boa comida e das melhores promoções.

  • Instagram
  • Email

Escreva um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.