Restaurantes em Siena: onde comer e beber na Toscana

Restaurantes em Siena, na Toscana: 3 clássicos para experimentar a cozinha típica da região

Famosa por suas muralhas medievais e seu belíssimo centro histórico, Siena é daquelas cidades que costumam figurar na maior parte dos roteiros pela região da Toscana, na Itália. Situada em uma localização estratégica, Siena é uma excelente “base” para desbravar especialmente as cidades e vilarejos mais ao sul da região. Foi exatamente o que fizemos em nossa viagem pela Toscana, quando ficamos hospedados por 5 noites no aconchegante Hotel Santa Caterina Siena. Nesse período aproveitamos para fazer uma das nossas atividades favoritas em viagens: mergulhar na cena gastronômica local. Após experimentar alguns dos melhores e mais recomendados restaurantes em Siena, apresentamos nesse artigo as nossas dicas do que comer e de onde comer e beber em Siena, na Itália.

O que comer e beber em Siena, na Toscana?

Quando se trata de gastronomia italiana, impossível não mencionar a Toscana como uma das nossas regiões favoritas. A grande variedade de pratos típicos e sempre a base de ingredientes frescos e locais impressiona aos amantes da boa mesa. Siena é mais uma bela representante do estilo, uma cidade que orgulha-se bastante de seus pratos típicos. Embora não seja muito diferente da culinária de Florença ou de outras áreas próximas, a cozinha de Siena é justamente caracterizada pela busca incessante dos sabores e aromas naturais. Uma cozinha que orgulha-se de ser a “verdadeira” cozinha toscana, enriquecida ao longo dos séculos sem nunca abandonar os costumes mais antigos.

Nos restaurantes em Siena, ao olhar os cardápios e identificar o termo senese (“de Siena”), você saberá que está diante de um prato típico da cozinha local. Como exemplos, o “Pici senese” é uma massa feita a mão, de formato irregular e um pouco mais grossa do que o spaghetti. Em geral, é servida acompanhada de molho Aglione (tomate com alho e peperoncino); Caccio e Pepe (queijo pecorino e pimenta) ou Ragú (carne moída de boi, javali ou pato). Ou ainda a Cinta senese, uma raça de porco típica de Siena, criada de maneira livre e que é utilizada na produção de diversas iguarias como salames, pancetta ou até servido filetada na tradicional “Tagliatta di Cinta Senesi.

Pici al ragu bianco di cinta senesi (Restaurante Bagoga)

Tudo sempre devidamente acompanhado de um bom vinho da Toscana, como os tintos Chianti Classico ou o icônico Brunello de Montalcino – todos produzidos bem pertinho de Siena.

No campo dos doces e sobremesas, duas delícias tipicamente ‘Senesas‘ são o Panforte e a Ricciarelli. Inventado no século XIII em Siena, o panforte é um doce a base de amêndoas, mel, frutas e especiarias cuja textura assemelha-se a de um bolo mais sequinho. Já o Ricciarelli foi inventado no século seguinte: trata-se de um biscoito também a base de amêndoas, mas de textura crocante e bem leve – ideal para tomar acompanhado de um legítimo expresso italiano.

Panforte e Ricciarelli: duas delícias tipicamente de Siena

Isso sem contar as especialidades de outras cidades próximas da Toscana que certamente você também poderá encontrar nos principais restaurantes de Siena. Como a bisteca Fiorentina (de Florença), os deliciosos frutos do mar vindos de cidades costeiras como Livorno ou a Ribollita, uma tradicional sopa de pão e legumes presente em toda Toscana. Enfim, comida e bebida boa não vão faltar nos restaurantes em Siena!

Restaurantes em Siena: onde comer em Siena, na Toscana

Nesse artigo apontamos 3 sugestões pessoais de restaurantes em Siena onde você poderá experimentar a típica cozinha da Toscana – do tradicional ao sofisticado. Ao lado do nome de cada restaurante está a faixa de preço, que vai de 1 cifrão ($) até 5 cifrões ($$$$$). É uma estimativa de custo médio por pessoa, ou seja, de quanto você deve gastar para comer e beber por lá. Usamos o Euro como moeda para minimizar o impacto das variações cambiais do Real. A classificação fica assim:

$$$$$ – acima de 50€ por pessoa
$$$$ – entre 40€ – 50€ por pessoa
$$$ – entre 30€ – 40€ por pessoa
$$ – entre 20€ – 30€ por pessoa
$ – abaixo de 20€ por pessoa

Importante: os estabelecimentos aqui listados são locais que nós experimentamos, gostamos e por isso recomendamos. 

1) Bagoga – Grotta di Santa Caterina | $$$

No coração do centro histórico de Siena está a Grotta di Santa Caterina, ou simplesmente ‘Bagoga‘. O nome faz referência ao carismático dono e chef do lugar, um antigo jockey que decidiu abrir um restaurante e aprender a cozinhar profissionalmente após se aposentar. Mais de 40 anos e muitos prêmios depois, o resultado é um restaurante de atmosfera única em Siena. Bagoga continua tocando o restaurante, literalmente metendo a mão na massa e ainda circulando de mesa em mesa para cumprimentar os clientes, servir os pratos e por vezes até posar para selfies. Tudo isso na companhia de seus filhos, como o Francesco, que gerencia o lugar e foi quem nos recebeu na chegada ao restaurante.

Detalhes do ambiente e a tradicional selfie com Bagoga e seus filhos – que juntos são a alma do Grotta di Santa Caterina

O ambiente de estilo clássico é repleto de referências ao passado esportivo de Bagoga. Troféus, recortes de jornal e objetos dos mais diversos – como os característicos chapéus dos tempos de jockey – estão espalhados por toda a casa, ajudando a contar a história não só do próprio Bagoga como de sua família e da cidade de Siena.

A proposta gastronômica é baseada na tradicional culinária de Siena e da Toscana. Há opções tanto de menu degustação – onde pequenas porções de diferentes especialidades senesi são servidas – quanto menu à la carte convencional. Independente da escolha, não deixe de harmonizar sua refeição com um dos vinhos produzido na vinícola da família. Recomendamos o rosso Gambassino Fagnani – cerca de 20€ a garrafa.

Para a entrada, o Antipasto misto vem servindo 4 porções das entradinhas mais típicas do restaurante (podem variar de acordo com a época do ano). Uma excelente forma de começar o passeio pela culinária local.

Mix de antipastos típicos acompanhados do vinho da casa

Na sequência típica dos menus italianos, para o Primo Piatto a sugestão é escolher entre duas opções tradicionalíssimas da Toscana. A Ribollita alla “senese” é uma versão local de uma espécie de “sopa” a base de pão, cavolo nero (uma couve da Toscana) e feijão. O nome “ribollita” se deve ao fato de ser um prato de origem campestre feito em grandes quantidades e que costuma ser “requentado” muitas vezes (bollire = ferver). Para quem preferir experimentar a sempre certeira pasta italiana, a pedida é o Pici al ragu bianco di cinta senesi. A massa caseira ao molho de porco/javali picado traz o conforto característico da culinária italiana, com o toque de Siena.

Dependendo da fome, ambos podem funcionar bem tanto como prato principal quanto como um preparativo para o secondo piatto. O Misto di Umidi traz 3 variações de carnes cozidas preparadas a partir de receitas clássicas da região: Coniglio alle Crete Senesi (coelho), Gallo indiano (uma antiga receita senesa do ano 700 descoberta e revisitada pelo chef Bagoga) e o “Peposo” del Brunnelleschi (carne bovina). O cozimento lento torna as carnes tenras e suculentas, e o prato vem acompanhado de verduras cozidas. Perfeito para encerrar o giro pelos sabores e aromas da cozinha de Siena.

Se ainda houver espaço para a sobremesa, opções clássicas italianas como o tiramisu dividem espaço com a Pinolata, uma torta bem suave a base de amido de milho e pinhão.  

O Bagoga possui uma atmosfera única, é um verdadeiro patrimônio de Siena. Um lugar com alma, daqueles que não podem faltar no roteiro de quem procura por uma experiência autêntica e acolhedora pela verdadeira cozinha de Siena e da Toscana.

Bagoga – Grotta di Santa Caterina
Endereço: Via della Galluzza, 26

2) Tre Cristi Enoteca Ristorante | $$$-$$$$

Em uma casa histórica do século XV está o restaurante mais antigo de Siena (iniciou as atividades em 1830). A placa na entrada com o nome ao melhor estilo “templo Romano” e a decoração interna com afrescos e mobiliário de época não deixam dúvidas: o Tre Cristi Enoteca Ristorante é um clássico da cidade e se orgulha muito disso.

Tre Cristi Enoteca Ristorante: o mais antigo de Siena

Apesar de contar no menu com alguns dos pratos mais tradicionais da cozinha senesi, a especialidade local são os frutos do mar – tudo preparado à moda de Siena. Não são muitos os locais com essa característica – muito menos com a mesma qualidade – o que tornam o Tre Cristi uma opção imperdível para os amantes de peixes, camarões, mariscos, lulas e afins.

No cardápio, são oferecidos pratos ‘à la carte’ ou menu degustação – neste, você deve escolher entre ‘mare’ ou ‘terra’, bem como a quantidade de passos/pratos (3 ou 5). Importante ressaltar que os pratos do menu se modificam com muita frequência por conta da sazonalidade de cada ingrediente. O que comemos no dia de nossa visita já não consta no cardápio atual, e provavelmente no momento em que você estiver lendo este artigo e decidir visitar o restaurante, o cardápio já será outro.

Como de costume, pedimos recomendações à equipe do restaurante e optamos pelo menu degustação de frutos do mar com 5 passos, pareado com vinhos elegidos pelo sommelier da casa. Trata-se afinal de uma enoteca! 🙂

Na sequência, iniciamos a experiência pelo antipasto de boas vindas oferecido pelo chef: uma deliciosa sopa de frutos de mar com feijão vermelho. Destaque também para o Piatto crudo di mare: tartare di pesce crostacei e conchigliame, um saborosíssimo tartar de peixe e crustáceos.

Antipasto do chef, tartar de peixe com crustáceos e o primo piatto, uma massa com nero di sepia e camarão

De Primo Piatto, como não fazer referência a uma inesquecível Calamarata con seppie e il suo nero, mazzancolle e ricotta – pasta italiana de forma anelar com nero di sépia e camarão impecavelmente preparado, acompanhado de ricota.

Na sequência do jantar, como Secondo Piatto foi servido o leve Braruno arrostito in tegame con sauté di vongole veraci, carciofi e zafferano – peixe grelhado ao molho de vôngoles salteados e alcachofras da estação.

As sobremesas seguiram por uma proposta mais convencional, mas ainda assim competente: Créme brûlée e sorbetto di limone.

Detalhes dos pratos e sobremesa no restaurante Tre Cristi em Siena

Além de toda a importância histórica, o Tre Cristi Enoteca Ristorante realmente confirmou a fama de melhor restaurante de frutos do mar de Siena. As porções são bem generosas e tudo é extremamente fresco e saboroso. O atendimento é bom e os preços são coerentes com o ambiente e a qualidade do que é oferecido.

Tre Cristi Enoteca Ristorante
Endereço: Vicolo di Provenzano, 1/7

3) Particolare di Siena | $$$$-$$$$$

Para os que desejarem sair um pouco do tradicional para desbravar uma versão repaginada e mais moderna da culinária da Toscana, a sugestão é o sofisticado Particolare di Siena. Em uma cidade cuja cena gastronômica é quase 100% dominada por restaurantes de estilo e cozinha clássicos, o Particolare di Siena traz no próprio nome a sua condição de um local “particular”. Um restaurante sui-generis em Siena, que certamente irá agradar aos gourmands à procura de novos sabores e sensações.

Situado nos portões do centro histórico de Siena, em plena via Francigena (na parte baixa da cidade), o restaurante combina bem o antigo – da estrutura de seu casarão histórico – com o moderno – nas mesas, na decoração e na apresentação dos pratos. O Particolare di Siena recebe locais e turistas com uma proposta de menu à la carte ou degustação – cuja temática pode ser “Terra” ou “Mare”, ao gosto do cliente. A carta de vinhos é uma das mais variadas da cidade.

Particolare di Siena: Ambiente sofisticado e bela carta de vinhos

Nossa sugestão é se entregar a uma das experiências de menu degustação. É importante ressaltar que os pratos variam muito em função da época do ano. Como tudo é a base de ingredientes frescos, o cardápio está sempre sujeito a alterações e a novas “criações” do Chef.

Em nosso jantar, o primeiro destaque sem dúvidas vai logo de cara para os antipasti: Flan di pecorino di Pienza com salsa carbonara e Uovo croccante, spinaci e spuma al pecorino. Ambos bem apresentados, com técnica refinada e saborosíssimos.

Na sequência, o Tortelli di lingua, salsa verde, gambero rosso, lumache foi servido como um primo piatto que conjuga bem elementos de mar e terra em uma mesma preparação. Outra boa opção com a mesma proposta é o Agnolotti di vitello, brotto licheni della campagna senese, katzobuchi, palamita (bonito fish).

Dentre as opções de Secondo Piatti ou prato principal, destaques para o “terrestre” Il Maialino, cavolo, mela, finocchio (um agri-doce Leitão acompanhado de repolho, maçã e erva-doce) ou o “marinho” L’Anguilla, triaky, carciofi, ginepro, limone (posta de enguia caramelizada com alcachofras e limão).

No encerramento, duas sobremesas clássicas da casa são o Tiramisú particolare ou o Fiocco di Neve 2.0, rapa rossa, yogurt, yuzu.

Com proposta mais refinada, o Particolare di Siena é uma opção mais sofisticada para quem busca por uma cozinha da Toscana com toques de criatividade. Os preços não ficam muito acima da média da cidade, o que torna o restaurante uma bela opção para quem deseja ter esse tipo de experiência na viagem por Siena.

Particolare di Siena
Endereço:
Via Baldassarre Peruzzi, 26


Espero que tenham gostado das nossas sugestões de restaurantes em Siena. E se você foi a algum(ns) dele(s), não deixe de comentar no final do post e contar como foi a sua experiência. A gente adora receber os feedbacks de vocês! 🙂


Onde ficar em Siena, na Toscana

Não deixe para a última hora! Se ainda não se decidiu sobre o hotel ou apartamento ideal em Siena, faça agora mesmo uma pesquisa com descontos incríveis pelo Booking, o maior site de hospedagem em todo o mundo!

Booking.com

Nossa recomendação pessoal é o aconchegante e bucólico Hotel Santa Caterina. O hotel fica em uma das portas de entrada da cidade murada de Siena e é ideal para quem estiver viajando de carro pelos vilarejos da Toscana – além de ficar bem pertinho das principais atrações de Siena.

+Veja a lista completa de hotéis e apartamentos em Siena, na Itália


Mais atividades em Siena


Use internet ilimitada em Siena e demais cidades da Europa

Com o chip de internet da EasySim4U que você recebe na sua casa ainda no Brasil, você já chega na Europa com conexão 4G funcionando no seu smartphone. Basta trocar o chip do seu aparelho assim que chegar em solo europeu. Nós já trocamos durante o voo e começamos a usar assim que o avião pousou. Por isso, recomendamos o serviço da EasySim4U, que nos garantiu internet rápida e ilimitada durante toda a viagem pela Itália.

+ Contrate agora o seu chip de internet com a EasySim4U


E não esqueça de garantir seu seguro viagem:

Agora que você já sabe onde ficar em Siena, na Toscana, não se esqueça que o seguro viagem é OBRIGATÓRIO para quem viaja pela Itália. A empresa de seguros que a gente sempre usa e recomenda é a Seguros Promo. É um comparador de preços dos melhores seguros viagem e apresenta sempre a opção com melhor custo-benefício para a sua viagem!

Ah, e agora vem a melhor parte: leitor do Viajar é Demais tem desconto, basta clicar aqui ou no banner abaixo e utilizar o cupom para fazer seu seguro pelo menor preço possível.

Compartilhar:FacebookTwitter
Augusto
Escrito por
Augusto
Envie sua pergunta ou comentário

Viajar é Demais