Busca
Busca

O que fazer no Vale dos Vinhedos na Serra Gaúcha: roteiro de 7 dias em Bento Gonçalves, Garibaldi, Pinto Bandeira e Caxias do Sul

A Serra Gaúcha é um dos principais destinos de viagem do Brasil, repleta de atrações e atividades para todas as idades. E se você chegou aqui é porque está planejando seu roteiro por lá e está cheio de dúvidas sobre o que fazer no Vale dos Vinhedos e região da uva e do vinho na Serra Gaúcha, certo? Mas fique tranquilo que neste artigo montamos um roteiro super gostoso com atividades para 7 dias que vão inspirar você a planejar a sua programação de viagem. Tudo bem detalhado para facilitar a organização do seu itinerário na região. E se você precisa de recomendação de hotéis e outros tipos de hospedagem, confere nosso artigo onde reunimos dicas das melhores opções para se hospedar no Vale dos Vinhedos e região.

Roteiro de 7 dias no Vale dos Vinhedos e região: Bento Gonçalves, Garibaldi, Pinto Bandeira, Farroupilha, Flores da Cunha e Caxias do Sul

Antes do roteiro completo, algumas dicas básicas para te ajudar a planejar a viagem.

A denominação de origem Vale dos Vinhedos 

E já que mencionamos essa rota enoturística famosa, você sabia que os vinhos do Vale dos Vinhedos são os únicos no Brasil que possuem “Denominação de Origem”? Ter a D.O “Vale dos Vinhedos” no rótulo do vinho é um indicativo de procedência e qualidade. Isso porque aqueles que são produzidos nesse terroir (características únicas do solo e do microclima particular de determinada região) seguem uma série de exigências preestabelecidas para classificação de espumantes e vinhos. E fazem parte deste pequeno trecho da Serra Gaúcha os municípios de Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul.

Qual a melhor época para conhecer o Vale dos Vinhedos e região da uva e do vinho na Serra Gaúcha?

Uma questão importante é saber que as atividades por lá funcionam o ano todo, em qualquer estação. Enquanto o verão é marcado pela Vindima – a grande colheita da uva, no outono/inverno as baixas temperaturas deixam o momento das experiências gastronômicas e das degustações de vinhos ainda mais deliciosos e aconchegantes. Mas lembre-se: pode fazer frio o ano todo, especialmente à noite! Por conta do clima de serra, mesmo nas estações mais amenas, a temperatura pode cair bastante quando o sol se põe!  É sempre importante ir bem preparado com roupas e calçados adequados para aproveitar ao máximo a viagem. Nesse quesito, nós sempre recomendamos que leiam a nossa matéria sobre o que levar na mala de inverno e invistam em roupas de frio de qualidade.

Para quem é mais despojado e urbano, tem marcas brasileiras especializadas em roupas para baixas temperaturas com peças de excelente qualidade. Uma dessas marcas brasileiras é a Fiero (lê-se “Fiêrro”), que tem uma boa variedade de roupas, calçados e acessórios para o inverno, frio e neve. Encontramos a loja da marca online e ficamos encantados com a versatilidade das coleções. Aí decidimos experimentar e ficamos bem impressionados com a qualidade dos produtos. São ótimos e não perdem em nada para as marcas estrangeiras. E o melhor: negociamos um descontinho para os leitores! Use o cupom VIAJAREDEMAIS e ganhe 10% de desconto.

Acesse a Fiero e use o cupom VIAJAREDEMAIS para ganhar 10% de desconto

O que levar na mala de viagem para a Serra Gaúcha?

Se você quer dicas de como montar a sua mala de viagem para a Serra Gaúcha, temos um outro artigo só sobre mala de viagem para destinos de frio. É só clicar no link abaixo para conferir:

+ Mala de viagem para Serra Gaúcha: 10 itens essenciais para levar na mala de viagem no inverno

Leia também
+ 8 motivos para viajar com pouca bagagem que podem te fazer economizar
+ O que levar na viagem: acessórios essenciais que não podem faltar na sua bagagem

+ Remédios para levar na viagem: o que não pode faltar na mala

Localização

Vamos utilizar como referência o Vale dos Vinhedos apenas para ter ideia das distâncias. A partir do Aeroporto Salgado Filho em Porto Alegre, são 122 quilômetros;  já de Gramado, são 120 quilômetros de distância, percorrendo estradas asfaltadas e bem sinalizadas. No mapa abaixo você poderá navegar para ter uma ideia das distâncias. E atenção para os spoilers rsrsrs! Você já vai ter uma ideia do que vem pela frente nesse roteiro! No mapa estão as nossas recomendações de onde se hospedar e onde comer ou degustar vinhos, além das principais vinícolas que visitamos.

Alugue um carro para se deslocar na Serra Gaúcha

E se você quiser ter mais conforto e liberdade na sua viagem recomendamos alugar um carro! Para saber como foi a nossa experiência, veja a matéria sobre como foi alugar carro na Serra Gaúcha. E se preferir, faça uma cotação aqui embaixo para ter uma ideia dos valores! 🙂

O que fazer no Vale dos Vinhedos na Serra Gaúcha: roteiro de 7 dias

Bento Gonçalves e a rota do Vale dos Vinhedos | 2-3 noites

Bento Gonçalves é uma das cidades pioneiras como destino enoturístico no Brasil e uma das principais cidades do Vale dos Vinhedos, que concentra a maior parte das vinícolas. Não à toa é chamada de Capital Brasileira da Uva e do Vinho. Conta com ótima estrutura turística para quem vai em busca do clima romântico da serra, do bom vinho e da gastronomia farta. Mas também oferece programação para quem quer contato direto com a natureza, experimentando um pouco da vivência da zona rural do interior ou praticando atividades de ecoturismo e de turismo aventura. E com direito a usar roupas de frio lindas e elegantes

O que fazer no centro de Bento Gonçalves

A Pipa Pórtico fica na via que leva ao centro de Bento Gonçalves e recebe a todos com um convite para entrar “no mundo do vinho”. Um pórtico que faz alusão a uma pipa, inaugurado em 1985. No city tour pelo centro histórico é possível ver as marcas deixadas desde a chegada dos primeiros imigrantes italianos, a partir do expressivo patrimônio cultural composto de prédios, monumentos, parques, obras de arte e muitas histórias.

Onde comer no centro de Bento Gonçalves

A nossa dica para quem para jantar ou apenas para degustar vinhos é o Cobo Wine Bar (R. Vitório Carraro, 600 – Bento Gonçalves). Este wine bar conta com uma carta de vinhos muito bem selecionados e com rótulos exclusivos. No menu, você encontrará uma proposta de pratos deliciosos elaborados pelo Chef com criatividade usando os ingredientes frescos da estação. Uma experiência que se completa com o ótimo atendimento da equipe, preparada para dar indicações e sugerir harmonizações dos vinhos e pratos da casa.

Quanto tempo ficar em Bento Gonçalves?

Reserve de 2 a 3 noites (3 dias inteiros) para dar conta de visitar algumas das principais vinícolas da região, percorrer o roteiro Caminhos de Pedra e ainda aproveitar as delícias culinárias e os souvenires que podem ser encontradas nas lojas de produtos artesanais.

Vinícolas da Rota do Vale dos Vinhedos localizadas em Bento Gonçalves

A cidade de Bento Gonçalves concentra dezenas de vinícolas e boa parte delas está na rota do Vale dos Vinhedos. A nossa recomendação é visitar de 2 a 3 vinícolas no máximo por dia, aproveitando a proximidade entre elas. Algumas das vinícolas imperdíveis dessa região são:

Vinícola Torcello

A Torcello é uma charmosa vinícola artesanal que tem como proposta manter a produção pequena de seus vinhos e assim garantir alta qualidade. A produção anual é de apenas 20 mil garrafas de vinhos, entre tintos e brancos, 15 mil garrafas de espumantes e 60 mil de suco de uva. Isso permite que o processo de elaboração seja feito de forma totalmente artesanal e controlada. Por isso cada vinho produzido na vinícola tem no rótulo a informação da safra e o total de garrafas produzidas, indicando ainda a respectiva numeração da garrafa. Na visita, o breve tour pelos vinhedos e pela produção antecede a experiência de degustação dos excelentes rótulos produzidos por eles.

Vinícola Torcello
Localização: Estrada do Vinho, ERS 444, km 16 Vale dos Vinhedos 
Horário: Segunda a sábado das 09:00 às 17:00. Domingos das 09:00 às 12:00. (Horários podem sofrer alterações sem aviso prévio)
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site: www.torcello.com.br/visitacao WhatsApp: +55 54 98166-3730

Cave do Sol

Uma construção recente, linda e moderna, que ressalta a potência da luz solar e marca uma nova etapa da Vinícola Cave do Sol. Na decoração, o resgate artístico com elementos do prédio onde ficava a antiga vinícola transformados em obras de arte permeiam o percurso que conta a história da família de imigrantes italianos por trás de tudo. Depois do tour, a dica é fazer a ‘Degustação com Chocolate’, uma harmonização dos excelentes vinhos da Cave do Sol com chocolates artesanais. Essa experiência acontece no espaço chamado Vinheria, um ambiente aconchegante com janelões de vidro que oferecem uma bela vista do Vale dos Vinhedos. Uma delícia em todos os sentidos.

Cave do Sol
Localização: Estrada do Vinho, ERS 444, km 20 Vale dos Vinhedos.
Horário: Segunda a sábado das 10:00 às 17:00. Domingos das 10:00 às 16:00. Agendamentos podem ser realizados diretamente pelo site da vinícola.
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site: www.cavedosol.com.br WhatsApp: 54 98418.9882 | Telefone: 54 2521.2599
E-mail: [email protected]

Vinícola Miolo

A Miolo é uma das maiores vinícolas brasileiras, detentora de grande volume de produção anual e um parque produtivo amplo e automatizado. A visita guiada pela estrutura da vinícola conta um pouco da sua história, apresenta o Vinhedo Modelo, os tanques de elaboração, barricas, caves de espumantes e de envelhecimento. Em seguida, acontece a degustação de alguns dos rótulos emblemáticos da Miolo, além da visita à loja. O tour tem duração média de uma hora, com acompanhamento de um enólogo ou sommelier da Miolo. E se o tempo estiver bom, você pode aproveitar o Wine Garden Miolo, o bar de vinhos localizado em um espaço demarcado nos jardins da vinícola. Também dá para curtir apenas os jardins ao redor do laguinho e mesmo com tempo nublado, que foi o que a gente fez.

Vinícola Miolo
Localização: Estrada do Vinho, ERS 444, km 21 Vale dos Vinhedos 
Horário das visitas guiadas: segunda a sábado: 10:00; 11:00; 13:30; 14:30; 15:00. Domingos e feriados: 10:30; 11:00; 11:30; 13:30; 14:30; 15:00. Visitas e degustações* são realizadas por ordem de chegada.
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site: www.miolo.com.br/enoturismo Telefones: 054 2102-1537 / 2102-1540
E-mail: [email protected]

Cave de Pedra

Vinícola boutique erguida em um castelo de pedra! Já imaginou? Pois é, a charmosa Cave de Pedra fica em um prédio lindo de arquitetura medieval moderna bem no coração dessa região tão especial, cercado de parreirais. Tem como especialidade a elaboração de espumantes pelo método tradicional, o que resulta em bebidas com excelência em qualidade. A proposta é manter em seus vinhos e espumantes todas as características do Terroir Vale dos Vinhedos. Por isso, a produção anual é limitada a aproximadamente 45 mil garrafas entre vinhos e espumantes. A dica na Cave de Pedra é fazer a ‘Degustação às cegas’, onde a experiência de provar vendado 5 amostras de vinhos secretos selecionado especialmente pelo enólogo da vinícola aguça todos os sentidos! E é muito divertido!

Vinícola Cave de Pedra
Localização: Linha Leopoldina, 315, ERS 444, Vale dos Vinhedos 
Horário: Segunda à Sábado e Feriados: 10h às 17h. Domingos: 10h às 16h. Saindo um tour tradicional* a cada hora, sujeito a alteração | Duração: 1h
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site: www.cavedepedra.com.br/enoturismo Telefone: +55 (54) 3459.1267
E-mail: [email protected]

Casa Valduga Vinhos Finos

Vinícola premiadíssima, a Casa Valduga é a marca brasileira líder no segmento de vinhos e espumantes de luxo. Durante a visitação guiada tradicional que passa por todos os setores, da produção à expedição, o visitante recebe uma taça exclusiva e tem a oportunidade de degustar os vinhos e espumantes premiados da vinícola. E o melhor: a experiência acontece em salões especiais dentro das caves. É lá que ficam os vinhos e espumantes enquanto passam pelas diversas etapas do processo de produção, como a área das barricas de carvalho. E ainda tem o belo jardim com vista para o vinhedo, um lugar tranquilo e lindo demais!

Casa Valduga Vinhos Finos
Localização: Via Trento, 2355 – Vale dos Vinhedos
Horário: Diariamente, das 09h30 às 17h00. Visitação/tour tradicional*: Segunda a Sábado – 9h30, 10h30, 11h30, 13h30, 14h30, 15h30, 16h00. Domingos e feriados: 9h30, 10h30, 13h30, 14h30, 15h30 | Duração: 1h30min
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site: www.casavalduga.com.br/enoturismo/visitacoes Telefone: (54) 2105.3154
E-mail: [email protected]

Pizzato Vinhas e Vinhos

Esta pequena e sofisticada vinícola familiar é uma das grandes pérolas do Vale dos Vinhedos. Entre as opções oferecidas nas atividades de enoturismo, destacamos a degustação que compreende 6 rótulos pareados com 6 queijos regionais gaúchos. Uma delícia de experiência e uma verdadeira aula de harmonização! Os vinhos vão sendo escolhidos na hora e todo tipo de surpresa pode acontecer, inclusive a entrada de vinhos inesperados e algumas raridades da vinícola. Os aspectos técnicos da produção dos vinhos são o diferencial da Pizzato que faz essa jovem vinícola (inaugurada em 1999) ter os seus rótulos entre os mais destacados em degustações e painéis de vinhos Brasileiros e Internacionais além de figurarem nas lojas especializadas e nas adegas de restaurantes conceituados.

Pizzato Vinhas e Vinhos
Localização: Via dos Parreirais, S/N – Santa Lucia, Vale dos Vinhedos
Horário: Todos os dias, das 10h às 17h. Degustações e programas especiais como a harmonização de queijos ou de charcutaria devem ser agendadas com antecedência.
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site: pizzato.net/visitacao-e-turismo
Telefone: (54) 3055-0440 WhatsApp: (54) 98114-0116

Onde comer na Rota do Vale dos Vinhedos | Bento Gonçalves

A rota do Vale dos Vinhedos tem uma excelente oferta de opções para comer que atende a todos os gostos e bolsos.

Onde se hospedar na Rota do Vale dos Vinhedos | Bento Gonçalves

Locanda Montecielo – Vale dos Vinhedos

Além da excelente localização – muito perto das principais vinícolas da região, a Dani, proprietária da Locanda Montecielo é uma queridona e excelente anfitriã, daquelas que faz de tudo para deixar o hóspede confortável. Um exemplo disso foi a cestinha com lenha para acender a lareira que ela deixou para gente em uma das noites mais frias que pegamos durante a trip pela serra. Embora o ar condicionado fosse suficiente para aquecer o quarto, ter o calor da lenha na lareira (super segura e funcional) foi maravilhoso. A suíte é ampla, com entrada própria e exclusiva. Tem uma cama grande com roupas de cama de excelente qualidade, armários embutidos com espaço para malas, espelho grande, frigobar e cafeteira Nespresso, além da lareira que eu já mencionei. No banheiro, pia com bancada e box amplo, com chuveiro eletrônico estilo chuva. Os amenities eram de marcas da região, empresas que produzem cosméticos à base de uva. Tudo transpirando essa atmosfera da uva e do vinho que deixa aquele perfume delicioso! E o café da manhã da Locanda Montecielo? Um espetáculo à parte que está incluído na diária! A Dani prepara tudo com muito capricho e variedade. Das frutas aos bolos, tudo é produzido por ela ou vem de vizinhos e produtores da região. E o hóspede é quem define o horário que gostaria de tomar o café. Ela organiza e deixa tudo prontinho, seja no espaço de entrada da suíte ou na varanda protegida por vidro, com vista para o jardim e a paisagem campestre da região.

Locanda Montecielo – Vale dos Vinhedos
Localização: Rua Maria Oselame Longhi, Via Trento, 285, Vale dos Vinhedos

Container no Vale dos Vinhedos

Que tal se hospedar em um container no coração do Vale dos Vinhedos? Essa foi a nossa primeira vez em uma casa container e foi incrível! A estadia foi maravilhosa e não estamos falando apenas do conforto dessa casa de 2 quartos com banheiro, ar-condicionado, varanda e uma cozinha muito fofa e totalmente equipada. Além da ótima localização (perto das principais vinícolas), faz muita diferença o atendimento familiar, o espaço externo com a piscina, os vinhedos ali do lado, e claro, os “catioros” bem queridos. Um convite a relaxar nesse cenário de tranquilidade e ar puro, onde o corre-corre da cidade fica longe o suficiente pra desopilar a mente. Ainda mais quando as “doguinhas” pedem carinho e brincadeiras! Nos apaixonamos por elas e pelo Container no Vale dos Vinhedos. Anota aí essa dica e coloca na sua lista de hospedagem pelo Vale dos Vinhedos!

Container no Vale dos Vinhedos
Localização: Estrada Linha 15 da Graciema Vale dos Vinhedos, Bento Gonçalves

Bento Gonçalves e o Roteiro Caminhos de Pedra | 1 dia

Caminhos de Pedra é uma rota turística rural de 12 km que fica distante cerca de 19 minutos do Vale dos Vinhedos e 15min do centro de Bento Gonçalves. Ao longo desta rota é possível encontrar diversas atrações. A grande maioria delas voltadas ao resgate do patrimônio cultural dos imigrantes italianos que chegaram ao Rio Grande do Sul em 1875. Por concentrar o maior acervo arquitetônico da imigração italiana em meio rural do país e pela preocupação com a preservação do patrimônio histórico material e imaterial, a região chamada de Caminhos de Pedra recebeu o título de ‘museu vivo’ e também a chancela de Patrimônio Histórico do Rio Grande do Sul desde 2009. No percurso de 12km de extensão os visitantes encontram cultura, gastronomia e arquitetura em vários pontos de visitação e observação. As centenárias casas de pedra da rota incluem moinhos, cantinas coloniais, tratorias, casa de massas caseiras, teares, casa de doces e resgatam muito da herança cultural e das experiências de vida dos imigrantes e seus descendentes. Uma delícia de programação que merece ao menos um dia reservado no seu roteiro pela região. E não esqueça de usar roupas quentinhas e elegantes para ficar confortável durante o passeio e ainda sair combinando nas fotos com as lindas paisagens campestres que lembram a Toscana, famosa região vinícola da Itália.

Quanto tempo ficar e onde se hospedar?

Reserve um dia inteiro para fazer o Roteiro Caminhos de Pedra. O percurso, que confere paisagens lindas, vai exigir pequenos deslocamentos entre as atrações que você escolher visitar. Por isso mesmo é que não temos como indicar uma duração muito precisa para o passeio. Vai depender do seu ritmo, de quantos locais escolheu e do tempo que vai ficar em cada um. Mas recomendamos reservar um dia inteiro (algo como entre 10h da manhã e 18h) para percorrer a rota e ir parando nos pontos de visitação.

Quanto a hospedagem, você pode permanecer no Vale dos Vinhedos e imediações, pois a distância de carro é bem curta.

Tempo e distância do Vale dos Vinhedos até o início do Caminhos de Pedra

Principais atrações do Roteiro Caminhos de Pedra

Mapa do Roteiro Caminhos de Pedra com as principais atrações
Mapa do Roteiro Caminhos de Pedra disponibilizado pelos órgão de turismo da região | www.caminhosdepedra.org.br

CAT Caminhos de Pedra (Centro de Atendimento ao Turista)

Junto ao posto de combustíveis Cavalet fica o CAT Caminhos de Pedra, lugar ideal para pegar as informações sobre o roteiro, o Mapa-Guia do Roteiro Caminhos de Pedra, além de esclarecer dúvidas.

CAT Caminhos de Pedra
Endereço: Estrada Barracão, nº 600 – Distrito de São Pedro – Barracão, Bento Gonçalves – RS. Aberto de terça a domingo, das 9h às 15h.

Casa do Tomate

Faz parte do Roteiro Caminhos de Pedra como uma homenagem ao imigrante italiano que cultivava o tomate para o consumo da família e o refrigerante natural (gasosinha) produzido em ocasiões especiais (Natal ou na Páscoa). O momento cultural fica por conta história do tomate e da observação da produção, onde são feitos os produtos artesanais sem aditivos químicos vendidos na loja que fica no porão de pedra basáltica.

Casa do Tomate
Endereço: Linha Santo Antônio, Estr. Barracão, 687, Bento Gonçalves – RS. Aberto todos os dias, das 8h30 às 18h.
Site: www.casadotomate.com.br

Pietra Tratoria

Uma tratoria em um casarão italiano centenário. Essa combinação que transformou nossa experiência de almoço durante o passeio pelo Caminhos de Pedra. Encontramos no Pietra Tratoria um resgate da história da colonização italiana no Rio Grande do Sul. E não apenas por conta do casarão construído em 1905 com sua de decoração moderna mas que ao mesmo tempo traz elementos clássicos de casa de vó. Estamos falando da culinária! Percorrendo o menu, fica até difícil decidir! Daqueles pratos típicos da imigração italiana, elaborados com produtos locais muito frescos. E claro, seguimos a recomendação e pedimos o carro-chefe da casa: o filé wellington. Imperdível, embora exija disponibilidade de tempo, pois leva em torno de 45min para ficar pronto. Daqueles pratos para 2 pessoas, mas que servem até 3 dependendo da fome. Também tem uma bela adega com vinhos e espumantes da Serra Gaúcha, em especial de Pinto Bandeira. Uma experiência completa para os sentidos, que com a mistura do velho e do novo, junto da bela paisagem da região, faz parecer que estamos de verdade na Itália.

Pietra Tratoria
Endereço: Linha Palmeiro, 340 Caminhos de Pedra – São Pedro, Bento Gonçalves – RS. Aberto para almoço de terça a domingo, das 11h30 às 16h.
Instagram: @pietratrattoria

Parque da Ovelha

Um parque de ovelhas interativo onde crianças e adultos podem alimentar, ordenhar e tosquiar animais durante as visitações, sob orientação da equipe de monitores. Além da fazenda, a estrutura compreende ainda o laticínio e o parque de vivências. O casarão construído em 1917 que mantém as características originais é a porta de entrada dessa atração. Um prédio histórico que é testemunha do desenvolvimento e da evolução do lugar. Tem também a loja turística que vende os derivados de leite de ovelha produzidos na propriedade, muitos deles sem glúten e sem lactose. E claro que a loja tem muitos “souvenirs” que são a perdição de crianças e adultos. 

Parque da Ovelha
Endereço: Linha Palmeiro, 400 – São Pedro, Bento Gonçalves – RS. Aberto todos os dias, das 9h15 às 16h.
Site: www.parquedaovelha.com.br

Casa das Cucas Vitiaceri

A cuca no RS é um tipo de pão doce (quase um bolo, mas é feito com fermento de pão) que leva ovos, farinha de trigo, manteiga, noz moscada e outras especiarias. Na cobertura, uma farofinha de manteiga, farinha de trigo, açúcar e canela. E o melhor: pode ser recheada com dezenas de sabores! E esse é o ponto alto das cucas da Casa das Cucas Vitiaceri. Com uma variedade de sabores doces que vão desde frutas da estação como uva, morango, abacaxi, passando por coco, creme, doce de leite, chocolate. Mas o melhor é mesmo experimentar as combinações desses sabores, como a de chocolate com morango que eu e Guto amamos. Olha ele aí na fotinho se deliciando um generoso pedaço! Isso sem contar que a cuca é servida quentinha. O processo de preparação conta com a finalização na hora, onde a cuca volta pro forno para terminar de assar. Isso deixa ela ainda mais saborosa! Ah! E tem as foccacias ou “cucas salgadas” como a de copa, que tivemos que trazer uma inteira na mala para comer aqui no Rio depois de voltar da nossa viagem mais recente para a Serra Gaúcha. Além das tradicionais cucas recheadas, a casa oferece ainda espumantes, vinhos e sucos de uva. O espaço de piquenique e as cestas completíssimas da Vitiaceri (veja a segunda foto) compõem o cenário perfeito para degustar as delícias da Serra Gaúcha ao lado de pessoas especiais. No gramado à beira do laguinho sentado em um edredom ou nas mesinhas do mezanino, tudo em meio à natureza.

Casa das Cucas Vitiaceri
Endereço: Estrada Caminhos de Pedra Linha Palmeiro, Bento Gonçalves – RS. Aberto de terça a domingo, das 9h às 18h30.
Instagram: @vitiacericasadascucas

Casa da Erva Mate

Um casarão centenário, do ano 1884, onde funcionava um moinho, hoje é um exemplo do processo de aculturação. A erva-mate (nome científico: Ilex paraguariensis), planta muito comum na região sul, era conhecida e utilizada como bebida pelos índios. O imigrante italiano, além de adotar o hábito de consumi-la, na bebida hoje conhecida como chimarrão, agregou-lhe ainda tecnologia, o que permitiu a produção em grande escala. Na Casa da Erva Mate do Caminhos de Pedra, o visitante pode ver a demonstração do processo de produção artesanal com históricos soques movidos a roda d’água. Já na loja que fica no porão da antiga casa, todo o ritual da preparação do tradicional chimarrão gaúcho é apresentado, seguido de degustação.

Casa da Erva Mate
Endereço: Linha Palmeiro, 190 Bento Gonçalves – RS. Aberto todos os dias, das 9h às 18h30.
Site: www.ervamateferrari.com.br

Onde comer no Caminhos de Pedra, em Bento Gonçalves

O roteiro Caminhos de Pedra também é repleto de opções gastronômicas. Como já mencionamos logo acima, esses são os dois lugares que já experimentamos e aprovamos e por isso estão aqui como recomendação.

  • Pietra Trattoria (Linha Palmeiro, 340 Caminhos de Pedra);
  • Vitiaceri Casa das Cucas (Estrada Caminhos de Pedra, Linha Palmeiro, Bento Gonçalves);

Garibaldi, no Vale dos Vinhedos | 1 noite

Conhecida como a “Capital Brasileira do Espumante”, Garibaldi pertence à 1ª Colônia da Imigração Italiana, integrando a Região da Uva e do Vinho da Serra Gaúcha e o Vale dos Vinhedos. Uma cidade tranquila e bucólica, que tem a agricultura e a indústria como bases de sua economia, além da forte presença do turismo.

Quanto tempo ficar?

Reserve pelo menos 1 dia para visitar as duas principais vinícolas e conhecer o pequeno centro histórico da cidade. À noite, a dica é apreciar o jantar na imperdível Tabacaria Benvenuto (veja detalhes logo mais abaixo).

Principais vinícolas de Garibaldi, no Vale dos Vinhedos

As duas principais vinícolas da cidade ficam bem no centro e tem cerca de 5 minutos de distância entre elas.

Cooperativa Vinícola Garibaldi

Fundada em 1931, a Garibaldi preserva o ideal cooperativista dos pioneiros fundadores, reunindo até hoje mais de 430 famílias que tem como ideal retirar da terra seu sustento geração após geração, dia após dia. Visitar a Cooperativa Vinícola Garibaldi é mergulhar na história dos colonos italianos e na maneira como transformaram a produção do vinho quando na América chegaram. As experiências começam com uma visita guiada onde são apresentados os processos e um resgate histórico a partir das ferramentas e maquinários utilizados no passado para o cultivo e preparo do vinho. Não deixe de experimentar (e levar pra casa) os espumantes premiadíssimos dessa que é uma das mais antigas e tradicionais vinícola da região. E se puder, a nossa recomendação é fazer a degustação “Taça & Trufa”, uma harmonização com chocolates da Devorata Trufas Artesanais e com os espumantes e vinhos da Vinícola Garibaldi realizada dentro de uma pipa de vinho convertida em sala de degustação. Uma experiência enogastronômica única!

Cooperativa Vinícola Garibaldi
Localização: Av. Independência, 845 – Centro, Garibaldi
Horários da degustação Taça & Trufa: Segunda a Sábado: 10:00 / 13:30 / 15:30; Domingos e Feriados (consultar): 10:30/ 13:00.
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site: www.vinicolagaribaldi.com.br/enoturismo/taca-trufa/
Telefone: (54) 3464-8104 | WhatsApp: (54) 99196-5577
E-mail: [email protected]

Vinícola Armando Peterlongo

A história dessa vinícola se confunde com a história da cidade. É ainda uma verdadeira viagem de aromas e sabores, pois a Peterlongo mantém em suas instalações a tradição da região francesa de Champagne, apresentando uma cave subterrânea e uma residência em forma de castelo. Durante o Tour Armando Peterlongo, um verdadeiro mergulho no passado, cheio de reviravoltas vai sendo contado aos visitantes. O tour inicia pelo museu, passando pelos tanques de vinificação de tintos, barricas e espaço de guarda, além da cave subterrânea, até chegar à loja. É lá que, no final, é realizada a degustação dos principais rótulos, incluindo um legítimo  “Champanhe”, pois a Peterlongo é a única vinícola autorizada a utilizar esse nome no Brasil. Mas a nossa recomendação vai além: encerre o dia curtindo o pôr do sol nos vinhedos, de preferência com um picnic, uma das experiências que Peterlongo oferece aos visitantes! 

Vinícola Armando Peterlongo
Localização: R. Manoel Peterlongo Filho, 216 – Champanhe, Garibaldi.
Horário: Diariamente das 9h às 17h30min
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site: www.peterlongo.com.br
Telefone: (54) 98114 3844 ou 3462 1355 | WhatsApp: +55 54 98119-6429
E-mail: [email protected]

Onde comer em Garibaldi?

Para o almoço ou jantar, nossa recomendação não poderia ser outra: a deliciosa Tabacaria Benvenuto (R. Dante Grossi, 574 – Centro), o melhor restaurante de Garibaldi.

Onde se hospedar em Garibaldi?

E para hospedagem, que tal dormir em uma pipa de vinho? É essa a experiência fantástica que a Pousada Botte di Vino (Acesso Norte Gilmar Tedesco 201, Bairro Borghetto, Garibaldi) oferece. São pipas gigantes convertidas em suítes completas, em uma mistura de luxo rústico que oferece todo conforto. Amamos nossa estadia por lá!

Confere os detalhes de como foi nossa hospedagem na Pousada Botte di Vino:
+ Onde ficar em Garibaldi, no Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha: conheça a Pousada Botte di Vino

Pinto Bandeira | 1 noite

Este pequeno município de apenas 3 mil habitantes e a cerca de 20km de Bento Gonçalves não pode ficar de fora do seu roteiro. Pinto Bandeira é uma pequena localidade da chamada “Região da Uva e do Vinho” que se emancipou de Bento Gonçalves em 2013 e é famosa pelas belas paisagens naturais e pela qualidade dos vinhos, especialmente dos espumantes. Qualidade essa reconhecida pela iminente certificação de Pinto Bandeira como “Denominação de Origem” — a primeira para espumantes produzidos no “Novo Mundo”. Não deixe de desfrutar de Pinto Bandeira e seu terroir único!

Quanto tempo ficar em Pinto Bandeira?

Reserve pelo menos 1 dia e 1 noite para visitar as principais atrações da cidade.

Principais vinícolas de Pinto Bandeira

Vinícola Don Giovanni – Vinhos, Vinhedos e Pousada

Uma vinícola premiada pela produção de vinhos e espumantes que estão entre os melhores do país; um antigo casarão dos anos 1930 em meio aos vinhedos, com quartos adaptados para receberem os hóspedes com muito conforto e aconchego; um restaurante que apresenta em seu menu pratos elaborados a partir de ingredientes regionais com muita técnica e sofisticação, sem abrir mão do respeito às tradições. Essa é a proposta da Don Giovanni: oferecer mais do que uma estadia, uma verdadeira experiência enogastronômica em meio a natureza exuberante de Pinto Bandeira. 

Vinícola Don Giovanni
Localização: Linha Amadeu, KM 12 – Interior, Pinto Bandeira.
Horário:
De segunda a sexta, das 08h até 11:45h e das 13h até 17:30h . Sábados: das 09h até 17:30h . Domingos e feriados : das 09h até 13h
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site:
www.dongiovanni.com.br
Telefones: 55 ( 54 ) 3455 6294 , ( 54 ) 3455 6293 , ( 54 ) 3455 7377 . Comercial : ( 54 ) 99691 7241 Varejo : ( 54 ) 99147 5864 Turismo : ( 54 ) 99268 3899
E-mail:
[email protected]

Família Geisse

Para quem é fã de espumante de alta qualidade, a visita à vinícola Família Geisse é sensacional! Os prêmios nacionais e internacionais dos espumantes são resultado do alto padrão que o engenheiro agrônomo e enólogo chileno Mario Geisse implementou quando fundou sua vinícola em solo gaúcho no ano de 1979. Ele veio para o Brasil 3 anos antes, contratado para dirigir a unidade da Moët & Chandon na Serra Gaúcha. Percebeu o potencial do terroir de Pinto Bandeiro e por lá se instalou. A Família Geisse vem somando ao longos dos anos inúmeros prêmios entre láureas à vinícola, honrarias ao proprietário Mario Geisse e, claro, reconhecimento da qualidade dos espumantes. Entre as distinções, um fato curioso: o rótulo Cave Geisse Terroir Nature foi único espumante sul-americano a entrar no livro “1001 Vinhos para se Beber Antes de Morrer”. Legal, né?
E se você curte uma aventura em meio a natureza, então faça seu planejamento com antecedência porque as atividades que a vinícola dispõe são únicas e memoráveis. E muito concorridas! Se programe aí com 2 meses de antecedência para fazer o passeio de 4×4 “Geisse Terroir Experience”. Nele você vai percorrer a propriedade, desbravando os maravilhosos vinhedos em meio a lagos, araucárias, jardins e uma surpreende cascata no meio da mata nativa! Um passeio imperdível! 

Família Geisse
Localização: Linha Jansen, s/n | Pinto Bandeira
Horário do Geisse Terroir Experience:
Seg, Qua, Sex, Sáb, Dom e Feriados 10h, 12h, 14h e 15h30. Apenas com reserva.
Duração: 1h30min
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site:
https://www.familiageisse.com.br/terroir-experience
Telefone: +55 54 3455.7461 | 3455.7462 WhatsApp: (54) 99696.6791
E-mail:
[email protected]

Onde comer em Pinto Bandeira, na Serra Gaúcha

Onde se hospedar em Pinto Bandeira, na Serra Gaúcha

Confere os detalhes de como foi nossa hospedagem na Pousada Don Giovanni (Linha Amadeu, KM 12 – Interior, Pinto Bandeira – RS)

+ Conheça a pousada da Vinícola Don Giovanni em Pinto Bandeira

Caxias do Sul | 2 noites

Caxias do Sul é o segundo maior município do Rio Grande do Sul e um dos polos industriais de maior destaque no cenário nacional. É também a cidade da famosa Festa da Uva, a maior e mais tradicional festa do sul do país, que existe desde 1931. Uma feira com muita comida típica, atrações e claro, vinhos e uvas. E aquele característico clima europeu que atraiu os imigrantes e continua atraindo os viajantes e turistas. Embora as vinícolas da cidade sejam pequenas e pouco conhecidas, o destaque vai para a excelente cena gastronômica e noturna, além da ótima oferta de hospedagem. Com sua localização central e de fácil acesso em relação às demais cidades do entorno, berço das grandes vinícolas, Caxias se torna uma excelente opção como cidade-base do passeio pela Região da Uva e do Vinho. 

Quanto tempo ficar em Caxias do Sul, na Serra Gaúcha?

Reserve pelo menos 2 noites. Especialmente se a ideia for utilizar Caxias do Sul como base para visitar as vinícolas das cidades próximas como Farroupilha e Flores da Cunha. Essa é uma ótima estratégia para curtir os ótimos restaurantes da cena gastronômica de Caxias.

Onde se hospedar em Caxias do Sul, na Serra Gaúcha?

Confere os detalhes de como foi nossa hospedagem no Blue Tree Towers Caxias do Sul (R. Pinheiro Machado, 2867 – São Pelegrino, Caxias do Sul)

+ Conheça o hotel Blue Tree Towers de Caxias do Sul

Onde comer em Caxias do Sul, na Serra Gaúcha?

Farroupilha | 1 dia

Considerada o berço da imigração italiana no Rio Grande do Sul e também a “capital nacional da moscatel”, Farroupilha é uma das grandes cidades da região da uva e do vinho, tanto em extensão territorial como em número de habitantes.

Vinícola Casa Perini | Principal vinícola da cidade

É em Farroupilha, na região do chamado Vale Trentino, entre as colinas e videiras que compõem o cenário deste terroir que fica localizada a premiadíssima Casa Perini. A dica é chegar pela manhã e já começar o dia com o Bike Tour, um passeio de bicicleta pelas estradas rurais, em meio aos vinhedos, seguido de um picnic bem gostoso! Depois de pegar a bike munida de todos os apetrechos, comidinhas e bebidas, basta seguir o caminho que é muito bem sinalizado e só parar quando chegar no local do picnic! Curtir a vista saboreando as comidinhas e degustando um espumante premiadíssimo da Perini nesse cenário é uma experiência única! Mas se você prefere um programa menos aventureiro, aproveite o Beatrice By Q Restaurante que fica junto da vinícola e tem uma área externa super aconchegante, no melhor estilo campestre! Ele funciona o dia todo com pratos para compartilhar e petiscar e, durante o horário do almoço, serve pratos deliciosos inspirados na culinária local que ficam melhores ainda harmonizados com os vinhos da casa. 

Vinícola Casa Perini
Localização: Próximo à igreja de Santos Anjos, s/n Santos Anjos, Farroupilha
Horários do Bike Tour:
Todos os dias, as 10h, 12h30 e 15h. Somente disponível com agendamento. Em dias de chuva a atividade é cancelada e deve ser reagendada.
Duração: 1h30min
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site:
www.casaperini.com.br/enoturismo Telefone: (54) 2109-7300
E-mail: [email protected]

Onde comer em Farroupilha?

Flores da Cunha | 1 dia

Seguindo mais ao norte na região da uva e do vinho, depois de Caxias do Sul, está a pequena cidade de Flores da Cunha. A cidadezinha tem duas excelentes e premiadas vinícolas:

Luis Argenta

Luis Argenta
Localização: Avenida 25 de Julho, 700 Flores da Cunha/RS
Horários do tour e degustação:
De segunda a sábado, às 10h, às 14h e às 15h. Domingos e feriados, às 10h30, 14h e 15h.
Duração: 1h
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site:
www.luizargenta.com.br/enoturismo
Telefone/WhatsApp: 54 3292 4477
E-mail:
[email protected]

Vinhos Viapiana

Vinhos Viapiana
Localização: Travessão Alfredo Chaves, s/nº Flores da Cunha
Horários da visita com degustação:
De segunda a sábado, às 10:30 e às 15:00. Aos domingos, às 10:30. Consulte horários especiais de feriados.
Duração: 1h30min
*Consulte a vinícola diretamente para confirmar os horários, preços e outras modalidades de experiências.
Site:
vinhosviapiana.com.br/visite-nos
Telefone: (54) 3297-5144 WhatsApp: (54) 9 9612-1986
E-mail:
[email protected]

Vai dizer que essa região rende um super roteiro com experiências incríveis de enoturismo e gastronomia para fazer em família ou num clima romântico?  Conta para nós, você gostou das nossas dicas?


Já reservou sua hospedagem no Vale dos Vinhedos e região?

Quer encontrar as melhores opções de hotéis, pousadas e apartamentos no Vale dos Vinhedos e em toda região da Uva e do Vinho? Não deixe para a última hora, faça já sua reserva com descontos incríveis pelo Booking, o maior site de reservas de hotéis em todo o mundo!

Booking.com Booking.com

Alugue carro mais barato no Vale dos Vinhedos na Serra Gaúcha

Uma dúvida que sempre surge é se vale a pena alugar carro para conhecer o Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha. A resposta é um sonoro sim! Principalmente se você utilizar a Rentcars, uma ferramenta que faz a comparação de preços entre as locadoras e mostra a lista de carros disponíveis e valores. Sempre do mais em conta para o mais caro.

Utilizamos a Rentcars para alugar o carro aqui no Brasil como nas viagens para a Serra Gaúcha e também no exterior, como pela Alsácia e Borgonha na França e pela Toscana na Itália. Em especial na Serra Gaúcha, seja para Gramado e Canela ou para o Vale dos Vinhedos, nós sempre recomendamos alugar carro!

Já sabe o que fazer em Gramado e Canela? Confira as melhores atrações da Serra Gaúcha e reserve com antecedência.

Consulte e reserve passeios e entradas de atrações na Get Your Guide, uma das maiores e mais confiáveis plataformas de ofertas turísticas do mundo. Eles estão presentes nas maiores cidades e reúnem profissionais e empresas qualificadas que oferecem os mais variados tipos de passeios e serviços turísticos. Nós já usamos e recomendamos. Dá só uma olhada: 

Escrito por
Chai
Envie sua pergunta ou comentário

Menu